Entrevista com a escritora Carmen WeizContando Livros Contando Livros: Entrevista com a escritora Carmen Weiz

5 de outubro de 2018

Entrevista com a escritora Carmen Weiz

Nessa nova entrevista temos a escritora de A Jovem Na Floresta, que também temos a resenha aqui no blog, feita com muito amor e carinho. Se ainda não viu a resenha, assim como na outra entrevista, clica sobre o título da obra e vai ama-la um pouquinho! Porém, volte para a entrevista, que estou ti esperando. 

E autora nos recebe bem assim:

Olá Paulo Henrique e admiradores do blog Contando Livros.
Em primeiro lugar, gostaria de agradecer a esta oportunidade de participar dessa entrevista.  - Carmen Weiz


Contando Livros - Qual Foi Sua Inspiração Pela Escrita? 

Carmen Weiz: A inspiração para escrever nasceu com a minha eterna curiosidade. Desde criança desenvolvi o hábito de ler, tudo aquilo que passa pela frente dos meus olhos: jornais, revista, livros, gibis, panfletos e etc. Talvez isso se deva ao fato que minha mãe sempre foi uma grande leitora. Desde cedo aprendi a amar e respeitar os livros. 

Contando Livros - De Onde Veio a Inspiração Para A Jovem Na Floresta?

Carmen Weiz: O livro "A jovem Na Floresta", como acontece em muitas das minhas histórias, nasceu no meu fiel bloco de anotações. A maior parte dos personagens vem me visitar durante os sonhos. É como se eles me pedissem para contas as história. E eu tomo nota... Com o romance entre Anna e Thomas, eu queria ir além da típica estória com o final feliz. Lendo uma reportagem atual sobre o tráfico de escravos a estória ganhou corpo, alma e se consolidou na minha mente. 

Contando Livros - O Bloqueio criativo é algo comum em sua rotina? Como lida com isso?

Carmen Weiz: Uma vez que crio a estrutura do livro na minha cabeça, ai sim começo a escrever. Isso significa que em três meses o livro vai estar pronto. Logicamente ele ainda passará por duas correções ortográficas e toda parte de edição final, antes de chegar á publicação e venda. É uma questão de de respeito pelos meus leitores. Não é em vão que minhas obras são definidas como "impecáveis".  
De resto, deixa a criatividade ganhar asas e voar. Melhor ainda, quando você tem a sorte de poder viver em um dos países mais bonitos do mundo. Talvez seja por isso, que eu não tenho problemas de bloqueio criativo. 

Contando Livros - Apostar nas vendas do seu livro no Brasil significa que somos bons leitores? O que pensa sobre o meio literário brasileiro?

Carmen Weiz: Visto que nasci, e por uma boa parte da minha vida morei no Brasil,  foi um processo natural querer compartilhar essas experiências com o público brasileiro. Com o desenvolvimento da tecnologia e facilidade de publicar conteúdos no formato digital, este meu sonho rendeu-se possível. 
A realidade é que existem tantos ótimos escritores prontos para serem descobertos com a criação e difusão de plataformas digitais. Finalmente,  devo salientar, que a curiosidade e o calor do público brasileiro, é realmente estimulante. Me considero privilegiada de poder escrever para este público.  

Contando Livros - Quais os planos sobre o próximo livro? 

Carmen Weiz: O meu segundo livro, "Mistifica-me" vai chegar ao Brasil no inicio do ano. Não deixem de visitar a minha página de escritora no Facebook. Estou sempre postando fotografias e filmes ilustrando lugares que inspiram esta série, composta por de quatro livros que podem ser lidos separadamente. 




Sinopse : Diretamente das florestas de pinheiros suíças....

É uma triste reviravolta do destino que catapulta Anna, uma jovem brasileira, em uma realidade maior que ela. Impulsionada pelo desejo de fazer o bem, ela se vê escrava do tráfico de seres humanos, nas mãos de torturadores impiedosos, prontos a vendê-la ao maior lance.

Apenas sua astúcia permitirá que ela escape, ajudada pelo oficial suíço Thomas Graff, um homem com um coração frio e um passado que não consegue deixar para trás. Uma batalha muito picante entre duas culturas completamente diferentes que fará voar faíscas!

Esta é a história de Anna, injustamente vítima como muitas outras mulheres. Entre intrigas, traições, crimes e jogos do destino, uma jovem lutará pela sua liberdade e pelo amor.

Primeiro volume autônomo das Swiss Séries, recomendado para um público adulto.

Contando Livros - Gostaria de dizer algo aos leitores do blog?

Carmen Weiz: Mais do que dizer, gostaria de compartilhar algumas imagens que me inspiraram para o primeiro livro e mais uma vez muito obrigada pela oportunidade e até a próxima.

Carmen Weiz



Uma pitada das imagens relacionadas A Jovem Na Floresta, para mais imagens como essas, o link está ali acima. 





Book Trailer de A Jovem Na Floresta



Link para compra de livros e book Amazon e físico Clube dos Autores

Lembrando que a resenha de A Jovem Na Floresta, se encontra aqui


Espero que essa entrevista possa aproximar vocês da autora, conhecerem o trabalho dela e qualquer outra duvida ambos estão a disposição de sanar. Deixe aqui um comentário sobre o que acharam, manda para os amigos loucos por livros e aguardo vocês na próxima! 


Grande Abraço!





Um comentário:

  1. Me parece incrível. Sensacional a sutileza e leveza da entrevista. Um grande bjo.❤️

    ResponderExcluir

Suba